História dos Calçados Ji-Paraná, Rondônia

Conheça a história da criação dos sapatos. O autor foca a análise na definição da medida dos pés, usada como base para a fabricação do tamanho adequado de cada sapato. Aprenda mais sobre esse acessório de vestuário.

Feirao Popular Ltda
(69) 3226-1412
r José Amador dos Reis, 3451, Tancredo Neves
Porto Velho, Rondônia

Dados Divulgados por
Armani Roupas e Acessorios Ltda
(69) 3221-0706
av Carlos Gomes, 2350, Lj 2, São Cristóvão
Porto Velho, Rondônia

Dados Divulgados por
C&A Modas Ltda
8009-90330
av Rio Madeira, 3288, Tr Lj 113, Embratel
Porto Velho, Rondônia

Dados Divulgados por
Chalana Confeccoes Ltda Me
(69) 3227-1855
r Jatuarana, 4530, Jd Eldorado
Porto Velho, Rondônia

Dados Divulgados por
Feirao do Povo Confeccoes e Calcados Ltda
(69) 3043-3586
r Jatuarana, 4967, Nova Floresta
Porto Velho, Rondônia

Dados Divulgados por
Girassol Comercio de Confeccoes Ltda-me
(69) 3221-8434
av Carlos Gomes, 2384, Lj B, São Cristóvão
Porto Velho, Rondônia

Dados Divulgados por
Dayane Confeccoes Ltda-me
(69) 3224-3574
av Joaquim Nabuco, 2140, Centro
Porto Velho, Rondônia

Dados Divulgados por
Costa & Vedana Ltda - Me
(69) 3223-1051
r Caxias,Dq, 1440, Centro
Porto Velho, Rondônia

Dados Divulgados por
Confeccoes Gym Ltda - Me
(69) 3026-4681
av Carlos Gomes, 1645, Lj 8 Tr, São Cristóvão
Porto Velho, Rondônia

Dados Divulgados por
Juliane Boutique Ltda Me
(69) 3224-1906
av Carlos Gomes, 1223, Lj 107, Centro
Porto Velho, Rondônia

Dados Divulgados por
Dados Divulgados por

História dos Calçados

Os calçados nascem da necessidade prover proteção aos pés do homem para que estes pudessem se locomover sobre terrenos ásperos e em condições climáticas desfavoráveis. Embora alguns historiadores datem os primeiros calçados entre 3.000 A.C. e 2.000 A.C. no Antigo Egito, mas resquícios históricos encontram evidências no Período Paleolítico, também conhecido como Idade da Pedra Lascada, sendo que estas evidências datam entre 14.000 A.C. e 10.000 A.C., uma vez que pinturas rupestres encontradas na Europa em países como França e Espanha, fazem referencias a utensílios utilizados para a proteção dos pés deste homem pré-histórico.

Durante um longuíssimo tempo os calçados não seguiram qualquer padronização de numeração, o que nos leva a crer que até o início do século XIV, os calçados fossem feitos sobre medida para seu usuário.

Mas isto começou a mudar durante o reinado de Eduardo I de Inglaterra (17 de Junho de 1239 - 7 de Julho de 1307), cognominado Longshanks, foi um Rei de Inglaterra da dinastia Plantageneta entre 1272 e 1307. Era filho de Henrique III de Inglaterra, a quem sucedeu em 1272, e de Leonor da Provença. Durante o seu reinado, a Inglaterra conquistou e anexou o País de Gales e adquiriu controle sobre a Escócia. Eduardo mostrou ter uma personalidade e estilo de governo bastante diferentes do seu pai, que procurava reinar por consenso e resolvendo crises de forma diplomática.

No início do século XIV, mais precisamente no ano de 1305, O Rei Eduardo I, decretou que fosse considerada uma polegada a medida de 3 grãos secos de cevada, colocados lado a lado (não devemos nos esquecer que no Brasil utilizamos o ponto Frances e na Inglaterra, utiliza-se o ponto inglês, mas isso iremos tratar mais adiante). Este decreto visou padronizar as medidas, o que acarretou novas possibilidades negócios, pois a partir daí, com a padronização dos tamanhos passou a ser possível a confecção de calçados para vendas posteriores. Os sapateiros ingleses gostaram da idéia e passaram a fabricar pela primeira vez na Europa, sapatos em tamanho padrão, baseados no grão de cevada. Desse modo, um calçado medindo 35 grãos de cevada passou a ser conhecido como tamanho 35 e assim por diante.

Oficialmente a primeira descrição de um sistema de medidas para os calçados, foi publicada na Inglaterra no século VXII, no ano de 1688. A publicação foi feita no manual The Academy Of Armory And Blazon desta época, onde Randle Holme menciona um acordo entre sapateiros para utilizar um sistema de 1/4 de polegada (0,635 cm) como padrão. Mais de um século depois, uma nova medida foi instituída pelos fabricantes ingleses, que passaram a utilizar 1/3 de polegada (0,846 cm), o equivalente a um grão de cevada, que era justamente a medida decretada pelo Rei Eduardo I, lá no século XIV. Essa medida virou uma unidade métrica chamada "Ponto".

Com a Revolução industrial, período que consistiu em um conjunto de mudanças tecnológicas com profundo impacto no processo produtivo em nível econômico e social. Iniciada na Inglaterra em meados do século XVIII expandiu-se pelo mundo a partir do século XIX, e segundo alguns historiados, este processo estende-se até os dias atuais. Durante este período, a era agrícola foi superada, a máquina foi suplantando o trabalho humano, uma nova relação entre capital e trabalho se impôs novas relações entre nações se estabeleceram e surgiu o fenômeno da cultura de massa, entre outros eventos. Essa transformação foi possível devido a uma combinação de fatores, como o liberalismo econômico, a acumulação de capital e uma série de invenções, tais como o motor a vapor. O capitalismo tornou-se o sistema econômico vigente.

É neste período que entra em vigor a utilização do primeiro sistema de numeração para fábricas de calçados, criado em 1800 pelo americano Edwin B. Simpson. O sistema incluía também medidas de "Meio Ponto", usadas até hoje nos EUA e na Inglaterra. Os fabricantes só passaram a utilizar o método em 1808, mas ele sobreviveu e dura, com pequenas variações, até hoje. Outros países como o Brasil, adotaram sistemas diferentes, mas sempre baseados na idéia de ponto. O sistema brasileiro usa o ponto francês, com 2/3 de centímetro, que é muito próximo do padrão em toda a Europa Continental. No Japão o padrão é mais simples, pois 1 ponto mede 1 cm.

PONTOS

Existem vários PONTOS, mas abaixo estão os principais, vale lembrar, que há variações nas tabelas de equivalência de numeração entre os países.

Ponto Francês:

Baseia-se no centímetro;

1 Ponto Francês corresponde a 2/3 de 1 centímetro, ou seja, 0,666 cm.

Ponto Inglês:

Baseia-se na polegada;

1 Ponto Inglês corresponde a 2/3 de uma polegada, ou seja, 0,846 cm.

Ponto Americano:

Baseia-se na polegada;

1 Ponto Americano corresponde a 2/3 de uma polegada, ou seja, 0,846 cm.

Ponto Japonês:

Baseia-se no centímetro;

1 Ponto Japonês corresponde a 1 cm.

Clique aqui para ler este artigo na WebArtigos.com