Avaliando os sete erros na criação de sites Araçatuba, São Paulo

Identifique os sete maiores erros ocorridos durante a construção de websites. A especialista em projetos de TI Danielle Ramos resume quais são os cuidados que o webdesigner deve ter ao programar páginas para Internet. Confira os erros amadores e os mais complexos.

Osastv Eletrônica Ltda
(11) 3682-1592
r Marianos, 214, Centro
Osasco, São Paulo

Dados Divulgados por
D'sales Magazine Ltda - Epp
(15) 3224-3463
r Regina Maria Prestes Momesso,Profa, 225, Cj 3, Jd Siriema
Sorocaba, São Paulo

Dados Divulgados por
Hi Teck Assistência Técnica
(19) 3342-5721
av Fátima,N S, 1369, Jd Bela Vista II
Campinas, São Paulo

Dados Divulgados por
Eletrônica Leca
(15) 3211-7250
r Sete de Setembro, 157, A, Centro
Sorocaba, São Paulo

Dados Divulgados por
Kuchar Comércio e Serviços
(11) 5523-6364
av Washington Luis, 432, Sto Amaro
São Paulo, São Paulo

Dados Divulgados por
Gomy Produtos Eletrônicos Ltda
(12) 3931-5449
r José de Campos, 600, Cid Morumbi
Sao jose dos campos, São Paulo

Dados Divulgados por
Áudio Som Assistência Técnica
(15) 3012-5592
av Osório,Gal, 983, Vl Trujillo
Sorocaba, São Paulo

Dados Divulgados por
Smab Informática
(12) 3132-4314
Rua Joaquim Miguel 50
Guaratinguetá, São Paulo
 
Razor Comercial Áudio & Home Theater
(11) 2528-2480
av Cursino, 817, Saúde
São Paulo, São Paulo

Dados Divulgados por
Eletrônica Geral,TV Projeção,LCD e Plasma
(13) 9701-4687
Estrada Municipal,180
Guaruja, São Paulo
 
Dados Divulgados por

Avaliando os sete erros na criação de sites

1. Não definir títulos para as páginas
Deixar uma página sem título é um erro bastante amador, por dois motivos principais: uma página sem título prejudica a identificação pelo usuário de qual página ele se encontra e o mais importante, o título é um dos principais fatores de classificação em sites de busca, ou seja, ter a sua identificação e palavras-chave no título das páginas melhora a classificação pelos buscadores. Por isso, esteja sempre atento e procure definir um bom título para suas páginas. Preferencialmente cada página deve conter um título específico, de acordo com o conteúdo da página em questão como, por exemplo, "Seu site *<# Serviços". Note que você especifica também a seção do site em que o usuário se encontra.

2. Não utilizar Meta tags
Por incrível que pareça, muitas empresas ainda não utilizam meta tags em seus sites ou não utilizam adequadamente. Meta tags são códigos utilizados para orientação de robôs de sites de busca durante a varredura que fazem no seu site. Essas tags auxiliam a esses robôs dizendo quais páginas devem ou não ser indexadas, quais as palavras-chaves, além de descrição, autor da página, entre outros.

3. Utilizar imagens no lugar de textos
Há muitas páginas que utilizam predominantemente imagens, enquanto grande parte das imagens que representam textos poderiam ser substituídas por texto com a devida marcação (cabeçalho, parágrafo, etc.). Além do fato de não ser acessível a pessoas que utilizam leitores de telas para navegar pelo site, as imagens não são 'lidas' pelos robôs de sites de busca e por isso não contam como conteúdo para o seu site, o que favoreceria sua classificação em sites de buscas.

4. Não utilizar um equivalente textual (alt) para as imagens
Além de ser politicamente correto utilizar alt tags para atribuir equivalentes textuais a imagens e assim tornar o conteúdo de certa forma acessível a pessoas portadoras de necessidades especiais, esses textos podem ser lidos pelos sites de busca e, portanto, auxiliam na classificação do seu site.

5. Não separar conteúdo de formatação
Um dos princípios básicos dos webstandards, a separação do conteúdo (informação) de formatação em páginas web é uma prática altamente recomendada por diversos motivos. Um deles é o tamanho dos arquivos, que se tornam muito mais leves após a formatação estar centralizada em um arquivo o que significa melhora da velocidade. Há ainda a facilidade para padronização e manutenção do visual das páginas devido a essa centralização, os robôs dos sites de busca enxergam muito mais conteúdo em relação ao código o que melhora o seu posicionamento, entre outros.

6. Não colocar link para a página principal em todas as páginas
Todas as páginas devem conter link para a página principal. Por padrão, esse link deve estar no topo, o que não impede de ter um link no final da página também. Colocar esse link no logo da empresa é altamente recomendado e já virou padrão, ou seja, faz parte das boas práticas de usabilidade.

7. Informações de contato 'escondidas'
As informações de contato devem estar presentes na página principal do site ou, no máximo, a um clique de distância. Se o usuário precisar mais do que isso, você corre o sério risco de que ele abandone a sua página antes mesmo de acessar tão importante informação.

Danielle S. Ramos

Danielle S. Ramos é Gerente de Projetos, graduada em Sistemas de Informação pela Fundação Santo André, certificada PMP® pelo PMI® e responsável pela diretoria geral Analogia IT Mídia Digital.

Clique aqui para ler este artigo na Artigonal.Com