Aprenda a fortificar a imagem da marca Pelotas, Rio Grande do Sul

O autor define como funciona a tática de marketing chamada "Awareness". Essa estratégia é responsável por tornar marcas empresáriais conhecidas. "Comparativamente, awareness é como uma memória RAM do computador. Você tem muitas coisas armazenadas nela, mas, se desligá-lo sem salvar, perderá tudo", afirma o autor, confira esse mecanismo de reforço de identidade comercial.

CONCURSO MISS MISTER TURISMO VIAMÃO RS
(51) 9679-7122
RUA BENTO GONÇALVES 891
VIAMÃO, Rio Grande do Sul
 
strat comunicacao
(51) 3273-2071
rua cleveland, 176
porto alegre, Rio Grande do Sul
 
Agea Publicidade e Propaganda Ltda
(51) 3748-3100
tr Paz, 30, An 3 Sl 303, Farroupilha
Porto Alegre, Rio Grande do Sul

Dados Divulgados por
QUEB Divulgação Informação Publicidade e Entretenimento Ltda.
(51) 3212-8260
r República, 125, Cid Baixa
Porto Alegre, Rio Grande do Sul

Dados Divulgados por
Restaurante Bombordo
(51) 3517-0700
Av. Guaiba, 2941
Porto Alegre, Rio Grande do Sul
 
CN PUBLICIDADES & PROPAGANDAS
(51) 3451-1537
R.FLORIANO PEIXOTO,728
SAPUCAIA DO SUL, Rio Grande do Sul
 
Pcom Comunicação e Marketing
(51) 3035-2473
Benjamin Constant, 378
Novo Hamburgo, Rio Grande do Sul
 
Competence Comunicação e Marketing Ltda
(51) 3014-4500
av Plínio Brasil Milano, 1775, Higienópolis
Porto Alegre, Rio Grande do Sul

Dados Divulgados por
BUSCA DE OFERTA
(55) 9975-7188
www.bucadeoferta.com.br
VILA NOVA DO SUL, Rio Grande do Sul
 
USINA COMUNICAÇÃO
(54) 3335-1138
Rua São Paulo, 75
Passo Fundo, Rio Grande do Sul
 
Dados Divulgados por

Aprenda a fortificar a imagem da marca

AWARENESS

É quando o público-alvo da empresa a reconhece ou lembra da marca de alguma forma, não necessariamente articulada. Nesta fase este reconhecimento é volátil, ou seja, fica numa área da memória chamada de STM (short-term memory), que tem como característica desaparecer depois de segundos, dando lugar a outras memórias geradas por estímulos mais recentes.

Esta fase é fundamental para construção do “Ícone” que servirá para relembrar os clientes quando tiverem a necessidade de comprar um determinado produto. Os estímulos visuais seguidos dos auditivos são os mais eficientes, já que existe no corpo humano um maior número de ligações nervosas associadas a estes sentidos.

Comparativamente, awareness é como uma memória RAM do computador. Você tem muitas coisas armazenadas nela, mas, se desligá-lo sem salvar, perderá tudo.

Exemplos:

1. Estrela da Mercedes Benz. Você não precisa do carro para entrar  em transe e sonha com aquele objeto de desejo. Somente olhando para a estrela você já consegue quase - isso é real - sentir o cheiro do carro.

2. Bong da Intel. Você não precisa estar na frente da televisão para identificar uma propaganda Intel. O bong (som) associado à assinatura do comercial é uma arma fortíssima da Intel para fortalecer o reconhecimento da marca.

 

“A marca exige constituição sólida. O processo de construção da marca será contínuo, acompanhando o amadurecimento da indústria.” 

PREFERÊNCIA

O posicionamento está COERENTE com sua identidade e promessa, e sua comunicação ao longo do tempo foi CONSISTENTE. A volatilidade da fase anterior (awareness) desapareceu.

“Utilizando a metáfora do computador, o que estava na memória RAM foi salvo e pode ser recuperado futuramente.”

Nesta fase, os programas de marketing são mais eficientes. Os clientes já reconhecem quando algo é disparado pelo arsenal de marketing e comunicação da empresa, que quer chamar sua atenção.

O desafio agora é tornar a EXPERIÊNCIA DO CLIENTE previsível, manter sua satisfação. O objetivo é RETENÇÃO. Reter um cliente é mais barato que conquistar um novo, portanto deve-se buscar o aumento de rentabilidade, ou ticket médio.

CONVICÇÃO

É possível!

A empresa soube equacionar sua visão, paixão e disciplina na execução. Elaborou um plano formal, ratificado por uma pesquisa bem conduzida. O plano ficou coerente e consistente.

Como resultado, sua VOZ ficou clara e compreensiva, os clientes absorveram o recado e consolidaram uma transação comercial. O reconhecimento da marca virou valor, ou seja, aumentou a receita sem que fosse necessário “comprar a venda”.

O cliente ficou satisfeito, e quando precisar consumir o produto ou serviço lembrará da experiência. Nesta fase o próprio cliente torna-se um vendedor.

Nori Lucio Jr

Nori Lucio Jr. é fundador da brandMe (brandme.com.br), especializada em planejamento estratégico. - 20 anos de experiência na indústria de tecnologia, com passagens pela gerência de marketing e comunicação na Intel® e Microsoft®. Formado em marketing, com especializações no Brasil e exterior, respondeu pelo desenvolvimento de vários projetos relacionados a construção de marca, marketing & comunicação e desenvolvimento de canais de vendas no Brasil, América Latina e Estados Unidos.

Clique aqui para ler este artigo na Artigonal.Com