Administração de Pequenas Empresas Ji-Paraná, Rondônia

Gerir uma pequena empresa, muitas vezes significa que você tem que fazer tudo sozinho. Com tantas pequenas tarefas para completar cada dia você se sente incapaz de resolver os problemas burocráticos. Aprenda como lidar com seu novo empreendimento clicando aqui.

Leite e Costa Assessoria em Gestão Empresarial
(69) 3026-7646
r Afonso Pena, 161 Sl 7 Porto Velho
Porto Velho, Rondônia

Dados Divulgados por
Clefferson Alexandre Alves Braga
(69) 3224-2036
r Júlio De Castilho, 479 Centro
Porto Velho, Rondônia

Dados Divulgados por
Leite e Costa Assessoria em Gestão Empresarial
(69) 3026-7646
r Afonso Pena, 161 Sl 7 Porto Velho
Porto Velho, Rondônia

Dados Divulgados por
B & B Consultoria e Projetos Ltda
(69) 3229-8502
av Farquar, 1520 Caiari
Porto Velho, Rondônia

Dados Divulgados por
Sisval Consultoria
(69) 3222-3266
r Buenos Aires, 2925 Embratel
Porto Velho, Rondônia

Dados Divulgados por
Isap Instituto de Soluções avanc em Adm e Empresarial
(69) 3026-1331
av Carlos Gomes, 2640 Porto Velho
Porto Velho, Rondônia

Dados Divulgados por
WS Assessoria e Gestão Empresarial Ltda
(69) 3224-4352
r Tenreiro Aranha, 2114 Lj 3 S 1 Centro
Porto Velho, Rondônia

Dados Divulgados por
Consultas e Dados LTDA
(69) 3224-2289
r Tenreiro Aranha, 2365 Centro
Porto Velho, Rondônia

Dados Divulgados por
r e A Treinamento e Consultoria Empresarial
(69) 3221-4393
Al Mourão, 1658 Ap 402 São João Bosco
Porto Velho, Rondônia

Dados Divulgados por
Mult-Negócios Assesorias & representação Ltda ME
(69) 3224-1292
r Júlio Castilho, 269 S 109 Centro
Porto Velho, Rondônia

Dados Divulgados por
Dados Divulgados por

Administração de Pequenas Empresas

Gerir uma pequena empresa, muitas vezes significa que você tem que fazer tudo sozinho. Com tantas pequenas tarefas para completar cada dia, correr para o banco ou enviar e-mails, na maioria das vezes, você se sente como fosse incapaz de resolver os assuntos importantes de sua empresa. Sentindo-se então, um incompetente.

Quando construir um negócio, um empresário deve aprender a definir as prioridades. Como você gasta mais tempo que o necessário para fazer coisas não tão prioritárias, isso exige uma agenda bem definida e principalmente a meta é cumpri-la.

Para definir, agendar e prosseguir no seu foco de prioridades, considere essas sugestões simples:

1. Utilizar a "Regra 3": Em vez de criar aparentemente intermináveis listas de afazeres, tente cumprir suas metas e tarefas desejadas e afins em grupos de três.

Aponte para realizar apenas três coisas em cada dia, que estejam em prioridade e objetivos. Uma vez que essas tarefas são agendadas, é incrível como tudo se enquadra perfeitamente à sua volta.

Por exemplo: uma meta para esta semana pode ser a conquista de um novo cliente. Para atingir esse objetivo pode ser necessário agendar Três apresentações durante a semana. Para garantir essas três apresentações, talvez você precise abordar seis perspectivas, fazendo chamadas ao telefone, vídeo-conferência ou e-mails para atingir o seu objetivo semanal.

2. Agendar tarefas: Tente agendar tarefas e enumerá-las. Quer rever suas demonstrações financeiras? agende para quinta-feira à tarde. Necessidade de testar a nova cópia para o seu site? Teste na quarta-feira de manhã. 

3. Certifique-se de ter atribuído uma quantidade suficiente de tempo para cada tarefa: Há um truque algumas empresas e pessoas gostam de usar quando estão programando o tempo para completar uma tarefa ou a viajar para uma reunião: colocar o triplo da quantidade de tempo você acha que utilizará para qualquer tarefa ou jornada. Se você terminar a sua tarefa antes ou chegar a uma reunião mais cedo, então você pode usar esse tempo para obter um bônus e fazer outra coisa. Quando o oposto acontece, e você executar fora de tempo, pois você não calculou direito ou foi ineficiente. Além disto, você acaba estressado.

4. Plano para a semana seguinte: Depois de criar o seu calendário semanal, reveja-o para ter certeza que você tenha tempo suficiente atribuído para fazer coisas importantes.

5. Olhe para as tendências: Sempre analise os dados, porque através deles é que você pode aprender coisas como a posição da empresa que faz a maior parte das compras, como os clientes preferem comprar, quando comprar, qual a sua próxima compra necessária, e onde o seu maior número de clientes estão localizados geograficamente.

6. Categorizar clientes pelo seu potencial e desenvolva um plano para cada categoria de clientes. Ao identificar clientes felizes e pedir referências, testemunhos e estudos de caso que pode ser utilizado em suas vendas e marketing,

7. Reative seus antigos clientes: Contate-os para descobrir por que eles não estão comprando com você. Dê descontos, faça promoções, saiba o que falta a eles.

8. Construa suas habilidades: As competências e as habilidades dos pequenos empresários são geralmente o que fazer ou quebrar uma empresa, para resolver a investir em você. Comece por identificar duas áreas de melhoria pessoal ou profissional que você gostaria de enfrentar durante o próximo ano. Você é um procrastinador? Com medo de falar público? Frustrado por um determinado programa de software? Seja qual for o seu desafio, desenvolver um plano para superá-lo. Matricular em um curso de gestão do tempo junte um grupo e contrate um professor particular. Certifique-se de lutar contra qualquer melhoria no seu profissional ou pessoal é fundamental. Não tente fazer demasiadas coisas ao mesmo tempo, faça uma coisa de cada vez.

Explorar o potencial dos atuais clientes para o aumento das vendas, comparativamente à procura de novas perspectivas, isso tende a gerar mais receitas, tendo simultaneamente em menos tempo, dinheiro e energia. Esta baixa dos custos de compra e venda torna os clientes atuais uma categoria importante para se desenvolver.

Sandra Regina da Luz Inácio

•PhD em Administração de Empresas pela Flórida Christian University (EUA)•PhD em Psicologia Clínica pela Flórida Christian University (EUA)•Psicanalista e Diretora de Assessoria Geral da Sociedade de Psicanálise Transcendental.•Mestre em Administração de Empresas, Especialista em Estratégias de Marketing em Turismo e Hotelaria, MBA em Gestão de Pessoas e Especialista em Informática Gerencial.•Psicanalista voluntária na Casa de Apoio à Criança Carente com Câncer e na Universidade da Terceira Idade.•Professora da FGV do Rio de Janeiro e de mais 03 universidades.•Empresária no ramo moveleiro•Responsável e Membro do Conselho Editorial da Revista Empresa Familiar.•Coordenadora do grupo de Excelência de Empresa Familiar do Conselho Regional de Administração de São Paulo - CRA.•Diretora da DS Consultoria S/S Ltda, especializada em Empresas Familiares.•Conciliadora, Mediadora e Árbitra Empresarial.•Membro do Conselho Editorial e responsável pela Revista Empresa Familiar.•Autora do livro O Perfil do Empreendedor e co-autora do livro Empresa Familiar: Conflitos e Soluções, juntamente com Domingos Ricca, Roberto Gonzalez e José Bernardo Enéas Oliveira.•Vários artigos publicados na área de Administração e Psicanálise em revistas especializadas.e-mail:sandra@empresafamiliar.com.br

Clique aqui para ler este artigo na Artigonal.Com