Administração Do Tempo As Chaves Para O Sucesso Boa Vista, Roraima

Ha pessoas que tem boas intencoes em realizar algo e melhor, sao aquelas que andam um milha a mais. Elas sao sinceras, integras e comprometidas com o sucesso pessoal e profissional. Veja mais abaixo.

A C A Sousa Me
(95) 3224-8850
av Jaime Brasil, 244, Sl 42, Centro
Boa Vista, Roraima

Dados Divulgados por
Escritorio Modelo Contabil Atual
(95) 3224-8929
av Júlio Bezerra,Cap, 484, Sl 1, Centro
Boa Vista, Roraima

Dados Divulgados por
Contad-assessoria Tecnica Contabil Ltda
(95) 3624-1511
r Antônio Bitencourt, 111, 2, Centro
Boa Vista, Roraima

Dados Divulgados por
Consult Emp Consultoria Empresarial Ltda
(95) 3623-1548
av Júlio Bezerra,Cap, 621, Sl 3, Centro
Boa Vista, Roraima

Dados Divulgados por
Aglacy Coutinho Barbosa
(95) 3623-6597
r Ajuricaba, 1381, Centro
Boa Vista, Roraima

Dados Divulgados por
Lisboa e Ramos Contabilidade Ltda
(95) 3224-9770
r Agnelo Bitencourt,Prof, 390, Sl 3, Centro
Boa Vista, Roraima

Dados Divulgados por
Isaias Barros Gomes
(95) 3224-2737
av Ville Roy, 186, Centro
Boa Vista, Roraima

Dados Divulgados por
Cecad Centro de Contabilidade e Auditoria S/c Ltda
(95) 3224-7815
r João XXIII, 515, B, Aparecida
Boa Vista, Roraima

Dados Divulgados por
Assistecon Assistencia Tecnica Em Contabilidade Ltda
(95) 3224-0512
av Ville Roy, 6752, W Sl 9, Centro
Boa Vista, Roraima

Dados Divulgados por
C Cardoso da Silva
(95) 3623-0892
r José Magalhães, 151, C, Centro
Boa Vista, Roraima

Dados Divulgados por
Dados Divulgados por

Administração Do Tempo As Chaves Para O Sucesso


Administração do tempo as chaves para o sucesso

Há pessoas que tem boas intenções em realizar sempre algo a mais, são aquelas que andam uma milha a mais. Elas são sinceras, integras e comprometidas com o sucesso pessoal e profissional.

Não basta também ter boas intenções se você caro leitor(a) não souber administrar o seu tempo e a sua vida. Todos temos 24 horas, nem mais nem menos e segundo alguns matemáticos, mais com menos é menos.

Lí algumas histórias de Santo Agostinho, onde já dizia em suas confissões, que discutir o tempo é algo muito complicado, pois o tempo parece ser- quando não tentamos discorrer sobre ele- algo simples, que todo mundo conhece, mas poucos sabem aproveitá-lo.

Quando falamos em administração do tempo, a primeira reação do ouvinte, na maioria das vezes é negativa.

Basta, porém, tentar teorizar sobre ele, para que nos vejamos diante de uma grande tempestade. Você caro amigo(a) já ouviu frases como estas, "eu não tenho tempo", "Isso é muito difícil", "agora não dá", etc. Enfim, dificilmente vamos administrar o nosso tempo com estes pensamentos negativos, faça o agora, faça já.

Neste artigo tento evitar certas confusões, mesmo correndo o risco de só dizer o óbvio. Na verdade, às vezes precisamos lembrar do óbvio , ou seja, nem tudo que é óbvio parece ser.

Nossa vida cotidiana é toda feita de crenças da sociedade, da aceitação tácita de evidências que nunca questionamos porque nos parecem naturais e obvias. Cremos no espaço, no tempo, na realidade, na qualidade e na verdade. Até acreditamos em alguns políticos.

Comecemos por analisar alguns mitos ou crenças acerca da administração do tempo;


 

Primeiro; Quem administra o tempo torna-se escravo do relógio

.

A verdade é bem outra, quem administra o tempo coloca-o sob controle, torna-se senhor dele e não um escravo. Quem não administra o tempo é dominado, pois acaba fazendo as coisas de qualquer jeito. Como citamos acima, o famoso mais ou menos, sofre com as pressões do mundo moderno. Um dos grandes segredos é administrar o tempo com as rédeas nas mãos, controlando, planejando. Buscando sempre uma hora a mais, poderemos duplicar o nosso tempo, fazendo as coisas bem feitas, com qualidade, eficiência.

Essa crença baseia - se no fato de que muitos profissionais - deste sistema global, que tentam administrar o tempo - acreditam que é possível programar 100% do seu tempo. Administrar o tempo para estes, é como vestir uma camisa de força e não mais tirá-la. A verdade é que administrar o tempo não é programar como se fosse um robô: é adquirir novos hábitos e controle. É necessário planejamento, sem dúvida. Mas é preciso ser flexível, saber fazer correções de curso. Se você está fazendo algum trabalho e está inspirado, produzindo bem, não há razão para parar, simplesmente porque o tempo alocado àquela tarefa expirou. Se a tarefa que viria a seguir, em seu planejamento, puder ser reprogamada, sem maiores problemas, não interrompa o que você está fazendo bem, aja sempre.

Administrar o tempo é fazer o que você considera importante e prioritário, é ser senhor do próprio tempo e não programá-lo nos mínimos detalhes e depois tornar-se escravo dele.

O planejamento é o segredo de tudo, listar as prioridades, depois redimensionar o tempo de cada atividade, assim fica mais fácil de administrar.


Segundo; A gente só produz mesmo ou trabalha melhor, sob pressão

.

Esse é um mito criado para racionalizar a preguiça, a indecisão, a tendência à procrastinação. Podemos dar como exemplo um estudante, que estuda ao longo do ano, com calma e sem pressões, sai-se nas provas e nos trabalhos, geralmente, muito melhor daqueles que deixam para estudar às vésperas das provas. Enquanto alguns estão no barzinho tomando uma cervejinha.


Terceiro; Administrar o tempo é algo que se aplica apenas à vida profissional.

É extremamente falsa esta crença.

Certamente há muitas coisas em sua vida pessoal e familiar que você reconhece que deve e deseja fazer, mas não faz – "por falta de tempo". Você pode estar querendo, a anos, reformar algumas coisas em sua casa, escrever um livro ou um artigo, aprender uma língua estrangeira, ou então dançar, desenvolver algum hobby, tirar duas semanas sem perturbações no Nordeste, curtir os filhos que estão crescendo, tudo isso sem conseguir. A culpa cai sempre na falta de tempo. A administração do tempo que virou um modismo poderá permitir que você faça essas coisas em sua vida pessoal e familiar.


 

Quarto; Ter tempo é questão de querer ter tempo

.

Você certamente já ouviu muita gente dizer isso. De certo modo essa afirmação é verdadeira até onde ela vai. Mas a afirmação não diz tudo. Não basta simplesmente querer ter tempo. É preciso também querer o meio indispensável de obter mais tempo e também administra – lo..

Contrária a esses mitos ou crenças, a verdade é que administrar o tempo é saber usá-lo para fazer aquelas coisas que você considera importantes e prioritárias, tanto profissionalmente quanto pessoalmente. Administrar o tempo é organizar a sua vida de tal maneira que você obtenha tempo para fazer as coisas que realmente gostaria de fazer, e que possivelmente não vem fazendo porque anda tão ocupado com tarefas urgentes e de rotinas (muitas delas não tão urgentes nem tão prioritárias) que não sobra tempo.

Quem administra o tempo geralmente não vive numa corrida perpétua contra o tempo, não precisa trabalhar horas extras e, geralmente, produz mais!

A boa administração do tempo é muito mais uma questão de autoconhecimento e gerenciamento pessoal do que a simples aplicação de técnicas. As técnicas funcionam melhor para quem tem um alto grau de autoconhecimento e exerce um bom controle sobre si mesmo, e sabe se autogerenciar. Grande parte das pessoas que reclamam do tempo, dizem que não podem planejar ou administrar o tempo, pois suas vidas mudam tanto que não iria de qualquer forma cumprir o planejado. Convencem-se de que essa é sua realidade e que não há solução, simplesmente acham que seu tempo não é administrável. Esse determinismo é o que impede certas pessoas de tentar mudar. Na verdade, o problema é que estas pessoas não se autogerenciam, se deixam gerenciar pelas circunstâncias que ocorrem ao redor delas.

Para crescer na vida precisaremos da liderança e ela implica em conhecer-nos melhor.

A grande oportunidade em tudo isso é a seguinte: fazer mais para si mesmo e fazer mais para os outros. Assim sua presença nunca será vã.

Todas as dicas aqui mencionadas podem auxiliar na busca de uma melhor administração do tempo, mas nada substitui a vontade de mudar Se você deseja algo é preciso organizar-se em busca de tal objetivo, além de querer, é preciso fazer. Lembre-se:

 

"Gestão do tempo é uma expressão inadequada – o desafio não é gerenciar o tempo, mas a própria vida".

Pense nisso, poupe o seu tempo e boa leitura.

Paulo Barreto dos Santos

Prof. Paulo Barreto dos Santos é analista da Divisão de Compras da Prodesp,Pós-Graduado em Gestão Estratégica de Negócios, MBA em Negociação (INPG), Professor Universitário e palestrante motivacional.

Clique aqui para ler este artigo na Artigonal.Com